quarta-feira, 3 de agosto de 2005

Cor branca


de Maurício Dobke


Fito teu rosto de anjo
e encontro em ti o cristal que busquei.
A tua brancura cega-me,
uma cegueira benvinda.
Uma cegueira que me afasta dos males do mundo
e só me consente ver a bondade no coração dos homens.
Suspiro,
sabendo que esta cegueira
deturpa a triste realidade.
Mas quem pode condenar-me por achá-la benvinda,
se é tão melhor esta ilusão que ela cria?

Toco tuas mãos de fada
e encontro em ti a magia que busquei.
Magia branca como as asas de um cisne
que alcança os céus
e a plenitude da liberdade.
Quero essa brancura encantada,
a pureza e a fantasia que anseio.
E suspiro,
sabendo que pouco tem o mundo de puro e mágico.
Mas quem pode condenar-me por sonhar,
se é tão melhor esta utopia que crio?

Aqueces-me com essa cor branca.
Mas como pode uma cor
que é a ausência de cor
aquecer a alma?

Raphaela Blat

31 Lápis no papel:

Blogger Å®t_Øf_£övë escreveu no papel...

Muito bonitas estas tuas palavras.
A inocência e a pureza das crianças é sempre uma coisa fascinante.
Bjs.

02:16  
Blogger sonhos sonhados escreveu no papel...

kerida Isa

o poema é muito bonito
e
define muito bem...
a beleza de seres
tão inocentes e puros
como são as crianças.

pergunto-me...
como pode...
o Homem
...atrever-se
...a maltratar
uma flor tão doce e perfumada.

beijux létinha.

04:56  
Blogger TMara escreveu no papel...

mas aquece! Bjs e ;)

11:27  
Anonymous Taliesin escreveu no papel...

Como sempre minha amiga nos brinda com uma bela pagina, por isso q essa é um dos meus blogs favoritos.
beijos

13:55  
Blogger sotavento escreveu no papel...

Miúda, branco é a mistura de todas as cores!... Deve ser isso, então!... :)

16:28  
Blogger Walter escreveu no papel...

Gostei mm mt!bjs
walter

17:03  
Blogger Squeezy escreveu no papel...

gostei da forma como terminas-t o poema..

21:56  
Blogger AS escreveu no papel...

Isa, nunca deixes de sonhar!... Os sonhos realizam-se sabes? Basta acreditar!...

Um beijo

09:30  
Anonymous andrye escreveu no papel...

Poema inocente e lindo.. beijokas.

12:59  
Anonymous Taliesin escreveu no papel...

indo, viajeinele, a forma q vc encerrou ficou belo demais
beijos

15:57  
Blogger sotavento escreveu no papel...

Miúda, não me esqueci, foi hoje, quero saber o resultado da "História"!...

22:32  
Blogger Dumb escreveu no papel...

O baranco não é a ausência, o barnco é tudo. E o tudo pode ser também o nada.

Mas encontrar não é fácil...

Beijo

23:40  
Blogger O Micróbio escreveu no papel...

I'm back! :-)

11:48  
Anonymous meialua escreveu no papel...

ola amiga, devagarinho e em recuperaçao, vim dizer que estou +/- de volta...

Lindo poema e linda imagem...
as xs no branco está tanto...

Beijos grandes*

12:10  
Blogger lua_de_inverno escreveu no papel...

O branco pode ser mais colorido do que qualquer outra cor, mais significativo, mais importante, mais simbólico. Basta saber olhar. E neste poema olha-se bem...

Beijinho doce*

21:09  
Blogger romero escreveu no papel...

hermoso demas ese tu poema,precioso.:)

21:30  
Blogger Alma de Poeta escreveu no papel...

O poema é lindo...mas a imagem é divinal...um anjo....adorei....a combinação é simplesmente maravilhosa. Adorei o fundo musical. Parabéns pelo blog

01:51  
Blogger BlueShell escreveu no papel...

Belíssima escolha.

***BShell ;)

22:42  
Blogger sotavento escreveu no papel...

Então?!... :(

22:53  
Blogger Wakewinha escreveu no papel...

Tenho pena é que nem toda a gente saiba reconhecer a sabedoria destas palavras quando dedicadas aos seres que carregam consigo a inocência no seu mais profundo significado... =(

11:21  
Blogger Estrela do mar escreveu no papel...

...lindo poema Isa...o sonho...o sonho...continua sempre a sonhar @miga...é bom, faz-nos bem, e ainda não se paga nada por isso...a não ser ás vezes quem sonha;...

Beijinhos.

23:28  
Blogger soldeinverno escreveu no papel...

"Toco tuas mãos de fada
e encontro em ti a magia que busquei."
muito bonito... adoro ler-te... jinhuz

09:42  
Blogger Iluvatar escreveu no papel...

posso dizer que acima de tudo está lindo... chegará? eu acho que sim... tá lindo cara isa :)

14:29  
Blogger Daniel Aladiah escreveu no papel...

Querida Isa Xana
A ausência de cor é o preto. O branco é composto de todas as cores, talvez por isso...
Um beijo
Daniel

20:15  
Anonymous singularidade escreveu no papel...

Lindo poema!

As crianças é o melhor que existe!

beijo

01:00  
Blogger agua_quente escreveu no papel...

A cor da inocência aquece sempre o coração! Beijos, Isa.

21:21  
Anonymous lique escreveu no papel...

Tinha saudades de te ler, Isa. A tua poesia é sempre um passaporte para o sonho. Obrigada por isso. Beijinhos

21:24  
Blogger CP escreveu no papel...

É mesmo um rosto de anjo...

23:37  
Blogger Bulbucus Íbis escreveu no papel...

Sempre sou e serei criança. É esta liberdade de ser que me faz chegar a velho.

18:35  
Blogger webdreamer escreveu no papel...

...lindo...
é tudo o que me ocorre neste momento.

23:58  
Anonymous Paula escreveu no papel...

Lindo... simplesmte.. e digo que gostaria de receber os teus poemas... eu de vez em quando tb escrevo... mas nada comparado a isso...

18:42  

Enviar um comentário

<< Voltar ao papel