sábado, 7 de maio de 2005

Respeito pelas diferenças





Fecha teus belos olhos.
Sente a atmosfera em torno de ti brilhando.
Com teus olhos fechados vê.
Não precisas deles para ver.
Vê com tua alma.

O certo não é somente o teu caminho,
é o de qualquer um,
desde que se respeitem os caminhos alheios,
as estradas por outros cimentadas.

A minha borboleta é livre
e livre deseja que todos sejam.
Todos somos diferentes,
diz minha borboleta,
e todos temos que nos aceitar nessas diferenças.

Escutem esta música.
Escutem esta língua.
Árabe.
Árabe, sim.
Qual o problema?
Porquê tanto preconceito?

Meu professor dizia que «preconceito» quer dizer «antes do conceito», antes de saber...
Então, antes de saberem, respeitem.




Ana bahbak, habibi.



foto de Alessandro Cassemiro

14 Lápis no papel:

Blogger Å®t_Øf_£övë escreveu no papel...

Adorei estas tuas palavras.
São um alerta para muita gente.Todos somos seres humanos,dignos de respeito até prova em contrário.
A musica que escolheste também está exelente.
Bjs.

01:28  
Blogger Lana escreveu no papel...

pk julgar antes de conhecer? :)

13:26  
Blogger Iluvatar escreveu no papel...

Bonita perspectiva, que infelizmente não é a de todo o mundo, parece que quanto mais andamos para a frente, mais o vento nos leva paa trás...
É na descoberta que devemos confiar e não num conjunto de frases feitas.. que se lixem os preconceitos...
"Conhece-me, e partilharás comigo as doçuras da vida"
Gostei bastante...
Beijo Pedro

14:15  
Blogger La Luna escreveu no papel...

como é que se pode julgar alguém apenas pela simples razao de ser de outro pais,outra religião,etc, sem sequer dar à pessoa em questão a oportunidade de se dar a conhecer??
há coisas que simplesmente não entendo...
belissimo texto e música!
beijo

19:36  
Blogger Anjo Do Sol escreveu no papel...

É embalada pela Rose, Persephone que vim até aqui.
E devo confessar que adorei aqui entrar e conhecer.
E vou confessar algo mais: sou apaixonada pelo oriente, tradições, mistérios e a música, ah, a música, doce, quente, sensual, com um gosto a canela e muito, muito afrodisíaca.
Não falando a parte meno boa do Oriente como alguma tirania e tradições que repugno.
Mas, decerto não são as diferenças que devem fazer qualquer ser humano desrespeitar outro.
Em tudo existe o bom e o menos bom. Há que saber aproveitar o bom e tentar que o menos bom não nos afecte o raciocínio e nos torne cegos. :)
Bjitos

20:15  
Blogger BlueShell escreveu no papel...

Quantas vezes favemos juízos de valor "antes de saber tanta coisa" acerta de outras tantas coisas....ou pessoas....ou situações! Somos preconceituosos...somos...

Jinho e carinho, BShell

22:38  
Anonymous MalucaResponsavel escreveu no papel...

n podia estar mais d acordo.. conhcer antes d formar opiniao.. e a liberdd e das csas q mais prezo...

23:47  
Blogger Daniel Aladiah escreveu no papel...

Querida Isa
Aladiah...
Um beijo
Daniel

00:04  
Blogger AS escreveu no papel...

Uma borboleta muçulmana linda e livre, ao ritmo de uma fantástica melodia...

Um beijo

00:17  
Blogger Tbb escreveu no papel...

"Os olhos apenas vêem aquilo para que estao preparados para ver"
- A.Leroi-Gourhan -

isa xana em relaçao aos preconceitos:

"A natureza humana acredita no mal imediatamente, mas no bem só depois de reflectimos. Nao é triste?"
-D. Deluzy-

Bj com respeito
Sinceramente, Hugo "Tbb" Cabral

01:54  
Blogger Taliesin escreveu no papel...

achei muito lindo esse texto, mas é verdade pq o preconceito não tem de existir, são pessoas de mente fechadas q cultivam-o
Beijos


Taliesin
http://caronte.anjosoft.com.br

15:48  
Blogger O Micróbio escreveu no papel...

Isto faz-me lembrar a trapalhada francesa por causa da lei do véu...

18:17  
Blogger H. escreveu no papel...

Post muito importante, muito belo com uma mensagem muito necessária.
As diferenças fazem o mundo um sítio lindo!
Talvez por isso é que me sinto mais eu quando viajo, oiço outros falares, vejo outras cores, sinto outros cheiros... A diversidade é incrivelmente bela :)

21:24  
Blogger Fénix escreveu no papel...

Adorei... Apesar de ser católica todo o mundo muçulmano fascina-me, especialmente as músicas que adoro... :)
O preconceito é algo terrível, um veneno que prolifera na sociedade, algo abominável.
O mundo é feito de mil cores, mil sabores, mil tradições... Em vez de desprezamos o diferente, devemos respeitá-lo e aprender um pouco sobre o que nos rodeia ao invés de nos fecharmos na nossa ignorância...
Gostei :)

Hasta***

20:19  

Enviar um comentário

<< Voltar ao papel